Códigos, estudo.

Eu não aguento mais olhar código,
Talvez eu tenha achado algo complexo,
Garanto que minha mente é um lugar inóspito,
Pelo menos esses códigos eu até entendo,

Pode ser em Java CSS ou PHP,
São linguagens de programação e eu vou dizer,
Queria que houvesse uma linguagem para reprogramar a mente,
Talvez se entender seja o jeito mais eficiente,

Mas como eu vou me entender se eu mudo a todo momento,
Com a influência do lugar das pessoas e entendimentos,
È por isso que eu escrevo,
Relembrar o começo e os sentimentos,

No futuro com um maior entendimento,
Posso orquestrar em mim grandes empreendimentos,
Mudar o mundo já é muito complicado,
Como quer mudar o mundo se nem consegue ajudar o amigo ao lado,

È por isso que eu faço o que eu posso,
E nisso pode ter certeza que eu aposto,
Devagar eu vou arrumando o sistema,
Como eu funciono e sistematizando o problema,

Talvez por isso que eu sou meio lerdo,
Eu realmente me perco tentando entender,
Mas no final eu sempre recomeço,
Entendendo mais do que possa parecer,


Advertisements

O que tá rolando comigo?

Mais uma vez ando estranho,

Mas por que se tudo está andando?,

Isso eu fico me perguntando,

Por algum motivo eu não estou ligando,

Foda se se vai dar tudo certo,

Foda se se vai dar tudo errado,

É como se algo estivesse faltando,

Eu só cansei e estou mais uma vez me analisando,

Já se perguntou se algo aconteceu que de alguma forma tu não se reconhece mais?

Já percebeu que nossas metamorfoses podem ser de certa forma letais?

Pois de alguma forma elas criam e matam nossos ideais,

Nem sempre de formas legais,

Ah estou cansado,

De certa forma agoniado,

Talvez seja por que estudei demais,

Hoje eu só preciso da minha musica e minha paz,

Então senhor universo que rege tudo,

Deste modo eu me oculto,

Talvez na brisa ou no meu submundo,

Por hoje é isso…

[Rascunhos Perdidos][15/04/2019]

 

Após um longo tempo tu ressurge em minha mente,
Não sei o motivo e nem sei se da minha parte de forma prudente
Pela primeira vez após muito tempo consigo ficar tranquilo,
Depois de muito entender e refletir talvez isso não é o que necessito,

Acordei após um sonho em que tu apareceu,
De certa forma até me surpreendeu,
Mas a calmaria já chegava,
Pelo menos dessa vez não buguei o quanto tu me bugava,

Eu não sei por que e como tu conseguiu ir tão a fundo,
Talvez eu não dê essa brexa para todo mundo,
O que eu não consigo entender é o que tu esperava,
De alguma forma eu sei que tu ficou frustrada,

O elo que existia foi quebrado,
Talvez seja só brisa e eu sou meio retardado,
Mas de alguma forma sei o que vai acontecer,
Por mais que não seja interessante eu pagarei para ver,

Sabe por que pode não ser interessante?
Por que tenho medo do poder que tens sobre mim,
Mesmo que eu saiba que esse é meu fim,
Eu ignoro tudo isso e caminho em sua reta como erro de principiante.

 

[Rascunhos perdidos][05/04/2019] Algo medieval

Já vi dezenas de histórias de amores, lindas, doloridas, sofridas, amadas aqui nessa página que vou tentar contar uma que não consigo encaixar em nenhuma dessas categorias …
Ele conheceu alguém que queria estar junto o tempo todo! Eu acho que ele era um bardo da era medieval e ela sua musa, ele simplesmente platonizou o seu amor por ela, deixou que tudo ficasse em sua cabeça mesmo que todos a sua volta insistissem para que aquele amor fosse dito, ele virou seu melhor amigo, ficaram juntos por volta de alguns anos e sabe a parte engraçada da história foi que depois que ele quase não era mais preso a ela,ela fez questão de lhe mostrar que eles podiam ficar juntos, as coisas entraram em um rumo que ele não esperava, era o rumo que todos queriam ter visto mas o rumo que só ela e depois eles dois resolveram verificar…. Não foi lá uma boa ideia… Ele sempre amou ela, e ela só gostava dele, percebendo que o fato dos seus caminhos terem cruzado desse jeito foi pra ela simplesmente se curar de algo que a machucou usando ele como porto seguro., mas tudo bem né… O problema foi que parece que ela nunca deixava ele partir, sempre aparecia e como se ela tivesse um poder sobre ele, eles acabavam juntos de alguma forma, o problema é que ele tinha um coração que aos poucos foi arrancado por essa deusa que ele empoderava, o tempo passou e acho que ele ficou livre mas as vezes tenho certeza que ele para por aí lembrando dos dois e de como seria se ela só não tivesse usado ele, talvez fosse diferente ou talvez ele só perderia mais partes de seu coração que ela tem mais dele do que ele mesmo….

[Rascunhos perdidos][01/04/2019] Sarcasmo primeiro de abril lo dia del mentira.

Em comemoração a esta data,
Irei com sarcasmo e mentira dizer que se passa,

Você não me afeta mais,
Esses seus olhos já sairam da minha mente,
E eu sei que isso não voltará acontecer jamais,
E eu serei complacente,

De todas as lutas travadas de pensamentos,
Eu sempre acabei saindo vencedor,
E mesmo lutando contra ti e todos contra-tempos,
Eu me libertei e fiquei livre desta dor.

Em comemoração ao primeiro de abril,
Eu sei que no final você sorriu,
Comemorou estar livre disso,
Eu não fui alguém omisso,

Eu realmente não me importava contigo,
Eu realmente não era seu amigo,
Eu não me apaixonei por você,
Eu realmente nunca consegui lhe entender,

Fico feliz que tenha ido embora,
Tenho certeza que percebeu a hora,
Ficamos livres um do outro olha que massa,
È por isso que eu comemoro La vida que passa,

[Rascunhos perdidos][01/02/2019] Sem titulo

Queria apenas dizer que estou bem,
Não o quanto ainda eu vou ficar,
Mas estou feliz com o momento,
Mesmo havendo todos os contra-tempos,

Há milhares de pessoas co-existindo,
Há outras milhares chorando,
Há outras milhares sorrindo,
Então eu sigo sempre pensando,

Eu respeito sua dor,
Respeito a sua luta,
Mas faça algo por você pelo amor,
Resumindo a vida é uma eterna disputa,

Tenha consciência da sua existência,
Mesmo que perante a imensidão do universo,
Não pareça fazer diferença,
Mas somos todos sistemas,
Com suas vulnerabilidades e vantagens,
Com toda a moral ou todas brisas e viagens,

[Rascunhos perdidos][28/01/2019] Sem titulo

Queria lhe dizer que já perdi as contas,
De quantas vezes eu me perdi em suas entre-linhas,
Queria dizer quantas vezes eu já perdi o fio da meada,
E quantas vezes eu já me achei nessa tal forma perdida,

Percebe o quanto eu já me perdi e me achei?
Sendo bem sincero isso ainda não é o suficiente,
Mesmo que em alguns momentos eu pareça até eloquente,


O ser humano tem a incrível capacidade do caos ordenar,
Então deste modo eu tenho é que me concentrar,
E assim continuarei nessa minha tal forma instável,
E isso continuará até que alcance o apse do que parecia impalpável,

Deste modo eu vou ordenando a desordem,
E vou me tratando com desdem,
Até que um dia eu consiga entender,
Que não era para entorpecer e sim me libertar,
De algo que algum dia eu realmente passei a acreditar.